Conselho de Administração

Conselho de Administração

Prof. Doutor Eng. Lourino Alberto Chemane

Presidente do Conselho de Administração do INTIC

Percurso académico

O Prof. Doutor Lourino Chemane nasceu em 1966, no Distrito da Matola, Província de Maputo. Concluiu a Licenciatura em Engenharia Electrotécnica pela Universidade Eduardo Mondlane (UEM) em 1993, tendo, no mesmo ano e estabelecimento, iniciado a sua actividade profissional, como investigador na área de engenharia electrónica e de Tecnologias de Informação e Comunicação, produzindo comunicações científicas e participando em conferências e outros eventos técnicos e científicos afins.

Em 2011, obteve o grau de Doutor em Filosofia (PhD)  em Ciências de Computação e de Sistemas na Universidade de Estocolmo, na Suécia, na especialidade de integração de plataformas de tecnologias de informação e comunicação para o estabelecimento de redes de valor

Entre 1999 e 2007, obteve os seguintes graus de Mestrado:

  • 1999 – Mestrado em Engenharia Electrónica na Universidade de Pretória, na África do Sul;
  •  2004 – Mestrado em Ciências de Computação e de Sistemas na Universidade de Estocolmo,   na Suécia;
  •  2007 – Mestrado em Governação Electrónica na Escola Politécnica Federal de Lausane (EPFL), na Suiça.

No seu portfólio consta ainda as seguintes pós-graduações:

  • Inovação e Liderança pelo Politecnico di Milano/Politecnico di Torino na Itália (Africa Innovation Leaders 2018-2019);
  • Diplomacia Contemporânea com especialização na Governação da Internet pela Universidade de Malta (Diplo Foundation) em Malta (Post Graduate Diploma in Contemporary Diplomacy with Specialization in Internet Governance 2016-2017); e
  • Telefonia sem fio pela Universidade de Pretória na África do Sul (CCWT:Certificate Course in Wireless Telephony – Diploma Course, January-December 2002).

Percurso profissional

Entre 2016 e 2021, foi Director Executivo da Rede de Instituições de Ensino Superior e de Pesquisa de Moçambique, a MoRENet (Mozambique Research and Education Network), e Assessor do Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (2020-2021) e do Ministro da Ciência e Tecnologia, Ensino Superior e Técnico Profissional (2015-2020) para a área de Tecnologias de Informação e Comunicação.

Entre 2010 e 2016,foi Coordenador do Projecto de Governo Electrónico e de Infra-estruturas de Comunicação (Projecto MEGCIP) financiado pelo Banco Mundial e Assessor do Ministro da Ciência e Tecnologia, para a área de Tecnologias de Informação e Comunicação. No âmbito do Projecto MEGCIP o Governo de Moçambique promoveu a revisão de instrumentos legais, políticas e regulamentos na áreas de telecomunicações e na área de Tecnologias de Informação, sendo de descatar a Lei de Telecomunicações (2016), a Lei de Transacções Electrónicas (2017), a Estratégia Nacional de Banda Larga (2017), a Estratégia de Migração da Televisão Analógica para a Televisão Digital (2015), a Política e Estratégia da Sociedade de Informação (2018), de entre outros. 

Entre 1993 e 2015, foi investigador e docente no Departamento de Engenharia Electrotécnica da Faculdade de Engenharia da Universidade Eduardo Mondlane (UEM) tendo sido docente das seguintes disciplinas: Electrónica Digital, Sistemas Digitais,  Redes de Computadores, Controle Automático, Sistemas de Computadores, Administração e Segurança de Sistemas de Computadores. Tem diversas comunicações publicadas em revistas científicas e conferências nas áreas acima indicadas.

Entre 2002 e 2010, foi Assessor Técnico Principal de Tecnologias de Informação e Comunicação na Unidade Técnica de Implementação da Política de Informática (UTICT). Foi membro das equipas que formularam a Estratégia de Implementação da Política de Informática (2002), a Estratégia de Governo Electrónico (2006), a Estratégia de Telecomunicações (2006), o Quadro de Interoperabilidade de Governo Electrónico (2009). Foi Coordenador Adjunto do Projecto Tecnologias de Informação e Comunicação para o Desenvolvimento financiado pelo PNUD e do Projecto Rede Electrónica do Governo financiado pelo Governo da Itália, tendo contribuido para o estabelecimento da Rede Electrónica do Governo (GovNet), do Sistema de Correio Electrónico do Governo, do Portal do Governo e no estabelecimento dos Centros Provinciais de Recursos Digitais (CPRDs), dos Centros Multimedia Comunitários (CMCs) e da Unidade Móvel de Tecnologias de Informação e Comunicação (UMTICs).

Entre 1999 e 2001, foi Consultor de Sistemas da Keops Isys na Africa do Sul onde participou no desenvolvimento, instalação e dos Sistemas de Controle, Supervisão e Aquisição de Dados – SCADA (Supervisory Control and Data Acquisition) na Mozal e trabalhou na montagem e configuração de Computadores Pessoais (Hardware e Software) usados nas Redes em Tempo Real (RTS) da MOZAL.

Entre 2002 e 2021, foi membro das associações profissionais e de grupos de trabalho a seguir indicados: Membro da ISOC: Ponto Focal de Governo Electrónico da CPLP (2002-2021), Ponto Focal da ATPS – African Technology Policy Studies Network (2004-2021), Internet Society (2014 -2016), International Council of Information Technology in Public Administration – ICA (2016-2021), Membro da Comissão Nacional de Migracao da Televisão Analógica para a Televisão Digital (2014-2015), e Ponto Focal de Tecnologias de Informação e Comunicação da Commowealth (2006-2009).